Avançar para o conteúdo principal

Mensagens

A mostrar mensagens de Agosto 22, 2021

A mulher santifica o marido? O que significa Santificação relativa ou provisória?

  No último vídeo explicamos que santidade significa  “ser separado”, separado para Deus. Explicamos também que existem basicamente 3 conceitos de santificação.  Santificação absoluta ou posicional que é a santificação obtida por cristo na cruz, tornamo-nos santos a partir do momento que o aceitamos. Essa santificação, não se perde e nem pode ser melhorada. Há também a Santificação progressiva ou prática que é resultado de o crente buscar aperfeiçoar a santidade em sua vida de forma prática. É um exercício diário e contínuo na vida do crente. Para que você possa compreender melhor eu fortemente recomendo que assista a esse vídeo: E hoje trataremos do terceiro tipo que é Santificação relativa ou provisória.   Esse aspecto da santificação tem a ver com pessoas sendo colocadas em um lugar limpo na Terra por meio da separação, sem necessariamente ter um trabalho interior de fé em sua alma. Ou seja, a pessoa ainda que não creia em cristo pode ser santificada, isto é, separada provisoriamen

O que é santidade na bíblia?

  SANTIFICAÇÃO – Esse termo significa “ tornar santo por ser separado ”. Pode ser aplicado a: Pessoas (Êx 13:2; Jo 10:36; 1 Co 7:14). Lugares (Êx 19:23, 29:43). Coisas (Gn 2:3; Êx 40:10-11; 1 Tm 4:5). Em relação às pessoas, existem três aspectos principais no Novo Testamento, que são: 1) Santificação absoluta ou posicional      Esse aspecto é o resultado de uma obra de Deus feita no crente por meio do novo nascimento (1 Co 6:11; 2 Ts 2:13; 1 Pe 1:2). Como resultado, o crente, que estava entre a massa de pessoas não salvas que se dirigem para uma eternidade perdida, foi separado para uma nova posição diante de Deus. Esse aspecto da santificação é algo feito uma única vez na vida de um crente. Todo Cristão é considerado santo nesse sentido posicional, independentemente do estado em que sua vida prática possa estar.   2) Santificação progressiva ou prática    É resultado de o crente buscar aperfeiçoar a santidade em sua vida de forma prática (Veja Jo 17:17; Rm 6:19; 2 Co 7:1; 1 Ts 4:4-

Salmos 23, explicado!!!

               Salmos 23, o mais conhecido e amado de todos os Salmos. Mas o estudo desse salmo para muitos cristãos pode ser surpreendente porque ele não é sobre a ovelha e sim sobre o pastor, isso mesmo esse é um salmo messiânico, um salmo que nos falam profeticamente de Cristo. Mas como assim? Bem vamos ler o texto. O SENHOR é o meu pastor; nada me faltará.   Deitar-me faz em verdes pastos, guia-me mansamente a águas tranqüilas.  Refrigera a minha alma; guia-me pelas veredas da justiça por amor do seu nome.                 O livro de salmos foi escrito antes da vinda de Cristo, mas em João 10:11 Ele  diz:  Eu sou o bom pastor; o bom pastor dá a vida pelas ovelhas. Então Cristo é o pastor e observe que Davi diz "Ele me faz deitar ... Ele guia ... Ele refrigera."                 O consolo do Salmo 23 não está no que o Senhor dá, mas no próprio Senhor. É um salmo sobre o pastor e não sobre a ovelha ou sobre as bençãos que ela recebe. O Bom Pastor (e Cristo é assim para nós,

Jesus no tabernáculo

               Bem, o que era mesmo o tabernáculo? Em Êxodo 25:8 Deus disse “E Me farão um santuário, e habitarei no meio deles”. E essa é essência do tabernáculo. Um Deus santo desejando habitar no meio dos homens. Mas esses homens estavam em pecado e o pecado os Impedia de chegar até Deus, Mas Cristo veio e resolveu o problema do pecado. E o Tabernáculo prefigurava esse momento em que Cristo viria religar o homem a Deus. É por isso que tudo lá de uma forma ou de outra apontava para Cristo. De modo geral as coisas do velho testamento eram sombras das bençãos que ainda viriam como estabelece Hebreus 10:1                E, porque Deus mandou fazer um tabernáculo e não um templo? Bem porque o objetivo era peregrinar pelo deserto até chegar à Canaã então o tabernáculo é um templo portátil, se é que posso chamar assim. E é interessante porque ele foi construído de dentro para fora. Quero dizer, Se um arquiteto fosse construir um edifício, ele naturalmente começaria com a fundação, continua

Como ser cheio do Espírito Santo?

                            Não há na Escritura exortações aos Cristãos para serem “selados” ou “ungidos” com o Espírito. Há, no entanto, exortações para serem “cheios” do Espírito. E, porque? As expressões “selados” ou “ungidos” com o Espírito têm a ver com a presença permanente do Espírito no crente. E como os Cristãos são crentes, já receberam o Espírito, já foram selados. Mas e quanto a ser cheio do Espírito? É exatamente sobre isso que vamos tratar no vídeo de hoje.                 Estar “cheio do Espírito” (Ef 5:18; At 2:4, 4:31, 6:3, 7:55, 9:17, 11:24 etc.) tem a ver com dar o controle total de nossa vida ao Espírito de uma forma prática. É como se você tivesse uma casa e recebesse um visitante. Ele está restrito à parte da casa à qual você o introduziu. Se, no entanto, você colocar sua casa inteira à sua disposição, e lhe der a chave de cada quarto e armário, ele então controlará todo o lugar. Assim também é com o Espírito Santo. Muitas vezes O restringimos a certas partes de n

O que era o tabernáculo? O que ele tipifica?

               Tão logo temos um povo redimido após a saída do Egito, deixarei o vídeo sobre êxodo abaixo, caso você não tenha assistido, então temos o pensamento de Deus de habitar no meio de Seu povo. Deus não podia morar com eles no Egito, uma terra de idolatria e escravidão. Então após libertá-los os leva ao monte sinai onde entrega a Moisés as instruções para construção do tabernáculo.   Tal edifício deveria ser construído de acordo com as especificações de Deus nenhum detalhe foi insignificante e nada foi deixado à criatividade de Moisés. Encontramos no Novo Testamento que as coisas feitas eram “figuras das coisas que estão no céu” leia Hebreus 9:23. O tabernáculo, seus móveis e os muitos instrumentos eram figuras do verdadeiro. Neles vemos a sombra de Cristo – Sua pessoa e Sua obra. Caso vocês queiram eu posso fazer um vídeo especificando melhor cada elemento do tabernáculo, se te interessa deixe aí nos comentários. Mas resumidamente qualquer um que se aproximasse do tabernáculo

Panorama do livro de Exodo

                              Êxodo é o segundo livro do pentateuco escrito por Moisés. O título é derivado da Septuaginta  e significa partida; na Bíblia hebraica o livro se chama, Weelleh Shemoth, desculpe a pronúncia, que significa “estes são os nomes”, pois com essas palavras é que o livro inicia.                Sua história cobre o período de cerca de 142 anos que vai da preparação judaica para deixar o Egito, a chegada ao monte Sinai.                 O livro pode ser dividido em 3 partes: O livramento de Israel da escravidão no Egito. (Redenção) Cap.1-12 A jornada para o Sinai. (relacionamento) Cap.12-18 A manifestação da vontade de Deus representada pela Entrega da Lei e das instruções do Tabernáculo. (santidade de Deus)                Redenção, relacionamento e santidade de Deus.                  Cada uma dessas fases foi e é de grande valia não apenas para os judeus como também  para a igreja, pois embora não sigamos a lei podemos extrair os princípios morais e obter figuras q

Existiram Gigantes na bíblia? Quem eram os nefilins?

                             Hoje falaremos de gênesis 6, uma das passagens mais complicadas de toda bíblia:  Havia, naqueles dias, gigantes na terra; e também depois, quando os filhos de Deus entraram às filhas dos homens e delas geraram filhos; estes eram os valentes que houve na antiguidade, os varões de fama. Gê n 6: 4                Gigantes no original Hebraico é nefilins. Alguns vão entender essa palavra como gigantes mesmo, outros, preferem associá-la a homens corajosos, o que para mim, faz mais sentido, pois o próprio texto afirma que eles eram “ os valentes que houve na antiguidade, os varões de fama.” Há quem diga ainda que foi esse evento que deu origem as lendas egípcias e posteriormente grega de deuses copulando com mulheres e gerando heróis  especiais como Hércules, por exemplo. Seja lá como for, eles eram homens especiais, diferenciados e descendentes dos Filhos de Deus ou "filhos de Elohim"   BNY-H'aLHYM . Mas quem eram esses filhos de Deus?             

Esboço do livro de Gênesis

                                O livro de Gênesis no hebraico chama-se Bereshith que significa no início, pois é assim que o livro inicia. O Gênesis foi escrito por Moisés, assim como todos os livros pentateuco (5 primeiros livros da Bíblia). Mas O título como conhecemos, gênesis, vem do grego, que significa “a fonte ou a origem” e é tirado da Septuaginta. O período de tempo coberto por este livro, excluindo os dois primeiros versículos é de cerca de 2.500 anos. Isso é mais que todo período de tempo coberto pela bíblia de êxodo a apocalipse que é de cerca de 1500 anos, excluindo os eventos proféticos. Nas páginas desse livro, encontramos todos os grandes princípios do relacionamento de Deus com o homem. Aqui estão os grandes fundamentos para o restante da Escritura. Não é de se admirar que Satanás tente minar o conteúdo deste livro, lançando dúvidas sobre sua autenticidade.  O livro pode ser dividido em cinco períodos distintos:  A primeira divisão é no início de tudo (cap. 1:1-2). O